Válvula de retenção para bomba submersível

Global, Brasil. Em aplicações de bombas submersíveis, as válvulas de retenção são dispositivos críticos para impedir que a água flua para baixo na tubulação e retorne ao poço quando a bomba é desligada. Para reduzir os riscos e danos a longo prazo à bomba, é importante instalar várias válvulas de retenção em vez de apenas uma.

A maioria das bombas submersíveis de alta qualidade tem uma válvula de retenção incorporada pelo fabricante na descarga. Esta válvula de retenção será a primeira válvula de retenção instalada. A segunda válvula de retenção deve ser colocada acima da bomba e não mais do que 7 metros acima do nível de bombeamento de água no poço. Isso garante que, em caso de falha na válvula de retenção da bomba, a segunda válvula de retenção no sistema mantenha o vácuo abaixo dela.

É importante ter em mente o projeto e o planejamento adequados do sistema ao determinar o tamanho da bomba, bem como a profundidade da bomba, diâmetro da tubulação, cotovelos da tubulação e o número de válvulas de retenção. Ao selecionar as válvulas de retenção, é importante garantir que sejam dimensionadas adequadamente e de acordo com as velocidades de fluxo da tubulação.

Com relação ao fluxo e às pressões máximas do sistema, existem diversos tipos de válvulas de retenção a considerar de acordo com a aplicação. Material, tamanho e construção são aspectos cruciais para o desempenho. Para absorver adequadamente choques hidráulicos associados ao bombeamento de poços de água e assegurar uma operação livre de manutenção, a instalação de várias válvulas de retenção é altamente importante.

 

Previous articleVálvula Flowserve para CSP
Next articleHow to eliminate emissions from pressure relief valves